segunda-feira, 10 de maio de 2010

Meu Tio Matou um Cara


Dirigido pelo gaúcho Jorge Furtado, Meu Tio Matou um Cara é um filme brasileiro de 2004, como nós outros dois filmes analisados a comédia está entrelaçada ao drama vivido pelos personagens. O filme é ambientado na cidade de Porto Alegre, capital do Rio Grande do Sul. Foi produzido pela Casa de Cinema de Porto Alegre que teve o diretor como um de seus fundadores e integrante até os dias de hoje.


Meu Tio Matou um Cara é um filme de classificação jovem, e sua trama envolve romantismo, no qual Duca (Darlan Cunha), de 15 anos, usa um episódio envolvendo seu tio (Lázaro Ramos) que foi preso ao confessar ter matado um cara em nome do amor pela sua namorada Soraya (Deborah Secco) para conquistar o coração de Isa (Sophia Reis), que parece estar mais interessada em seu melhor amigo, Kid (Renan Gioelli.



Sinopse

Éder (Lázaro Ramos) é preso ao confessar ter matado um homem. Duca (Darlan Cunha), um menino de 15 anos que é sobrinho de Éder, quer provar a inocência do tio. Ele tem certeza que o tio está assumindo o crime para livrar a namorada, Soraya (Deborah Secco), ex-mulher do morto. Duca também quer conquistar o coração de Isa (Sophia Reis), uma colega de escola que parece estar mais interessada em seu melhor amigo, Kid (Renan Gioelli). Para conseguir provar sua teoria, Duca recebe a ajuda de Isa e Kid nas investigações.


Elenco

Lázaro Ramos .... Éder
Deborah Secco .... Soraya
Darlan Cunha .... Duca
Sophia Reis .... Isa
Renan Gioelli .... Kid
Aílton Graça .... Laert
Dira Paes .... Cléia
Sergio Lulkin .... Advogado Rogerio


Curiosidade:

Recebeu quatro indicações no Grande Prêmio Cinema Brasil, nas categorias de melhor roteiro, melhor trilha sonora, melhor edição e melhor ator (Lázaro Ramos).

Clip do Filme:

Soraya Queimada
Clipe do filme Meu Tio Matou Um Cara. Cantado por Zéu Britto e participação especial de Wagner Moura e Lázaro Ramos.
http://www.youtube.com/watch?v=FRM4IVtoBHo

video

Nenhum comentário:

Postar um comentário